Diário de bordo. Autonomia do nosso Volvo XC40 em cidade e mais além…

O quotidiano de deslocações da maioria dos portugueses é feito em circuito urbano ou interurbano. Longe das autoestradas, quantos quilómetros podemos fazer em cidade com uma só carga da bateria?

Nesta entrada do Diário de Bordo Um Ano Elétrico carregámos o nosso Volvo XC40 P8 Recharge até 100% e fomos descobrir qual a autonomia real com uma só carga da bateria numa utilização puramente urbana. E um pouco mais além!

As idas para o trabalho, o corre-corre com as crianças, as idas ao supermercado, ao café, ao restaurante… Todos conhecemos bem os dias cada vez mais atarefados que enfrentamos. E, sobretudo, a vantagem que é ter um automóvel que se adapte a todas as necessidades. Mas vamos por partes.

Ano Eletrico Volvo XC40 Consumos 12

Um SUV, 100% elétrico, citadino

O Volvo XC40 é o SUV mais pequeno da gama da marca sueca, e traz consigo todos os atributos para dominar a “selva urbana”. O seu tamanho torna-o ágil mas ainda assim espaçoso. A tração integral é perfeita até para ruas em calçada, em qualquer estação do ano. A altura ao solo tira do caminho os buracos e qualquer passeio mais alto na hora de estacionar e deixa o condutor numa posição suficientemente elevada.

As características e equipamento do Volvo XC40 P8 Recharge dão ao condutor tudo o que precisa para a vida urbana.

E, depois, todas as ajudas eletrónicas que tornam cada momento quotidiano mais simples. Dos sensores de estacionamento, à câmara 360º, à travagem automática em caso de emergência, às câmaras exteriores, ao sensor de abertura de mala com o pé e até ao Google Assistant.

Os 408cv elétricos fazem-no responder rapidamente em qualquer situação e não contribuem mais para a mancha de CO2 que cobre as zonas mais urbanas. E, claro, um custo potencial por quilómetro mais baixo que um veículo a combustão.

Espaço para tudo e para todos

Pub ADN energy MRec

A bagageira não é a maior do segmento mas é mais do que suficiente para o uso diário. Mesmo até para quem o use como carro de transporte caixas e caixotes. E a mala frontal oferece aquele espaço extra sempre que necessário (isto porque os cabos de carregamento têm o seu próprio compartimento por baixo do tampo da bagageira).

Segurança, espaço e conforto são palavras de ordem para quem tem filhos.

Para quem tem filhos, o espaço dos bancos de trás não compromete. Até nos casos em que o condutor é um pouco mais alto, como é o meu caso, e puxa o banco mais para trás. As mochilas e demais parafernália não atrapalham nem obrigam a nenhuma ginástica extra.

Ano Eletrico Volvo XC40 Consumos 1

Como pai de duas crianças pequenas, uma menina de 6 anos e um rapaz de 10, parte do meu trabalho diário é feito como motorista privado! Nas idas para a escola, para a natação, para a música, para o Karaté… Poder realizar essas deslocação num carro que me dá toda a confiança em termos de segurança, todo o conforto para mim e para o meus filhos e todo o espaço que preciso para transportar mochilas, pastas, sacos e brinquedos é perfeito.

Mas, acima de tudo, poder fazê-lo enquanto passamos uma mensagem de futuro sustentável para as novas gerações é impagável.

Condução em cidade

O One Pedal Drive torna a condução em cidade muito simples. Fazendo uso de uma condução defensiva e preventiva, basta pressionar o pedal do acelerador para avançar e levantar para ativar a travagem regenerativa que, no caso deste Volvo XC40, imobiliza por completo o veículo.

Ao fazermos isto quando nos aproximamos de cruzamentos ou semáforos, por exemplo, estamos também a recuperar energia, esticando a autonomia do carro. E, claro, baixando os consumos.

E afinal, qual a autonomia em cidade?

Sabendo que a resposta será sempre “depende da força com que se carrega no acelerador”, vamos tentar encontrar aqui um meio termo. Assim, sem fazer grandes acelerações, mas fazendo uma condução despreocupada, podemos esperar consumos na ordem dos 18,5 kWh/100 km. Quem tiver o pé mais leve consegue melhor. E quem gostar de sentir a aceleração do carro quando cai o verde dos semáforos, fará pior!

Com uma condução normal, podemos esperar 400 km com uma carga de bateria completa deste Volvo XC40 P8 Recharge em cidade.

Com esta média, temos garantida uma autonomia no nosso Volvo XC40 entre 390-400 km de autonomia com uma carga completa. Isto quer dizer que quem fizer, por exemplo, até 70-80 km por dia, nem precisa de carregar o carro durante a semana!

Se consideramos uma utilização sempre com o ar condicionado ligado, o consumo sobe para uma média mais perto dos 21,5 kWh/100 km. E aqui, apenas conseguirá fazer cerca de 340-350 km, ou seja, 60-65 km por dia para não precisar de carregar durante a semana.

Isto permite uma utilização urbana e até suburbana semanal completamente despreocupada e sem ter de pensar em carregar o carro.

Carregamento até 90% recomendado pela Volvo

A Volvo recomenda que, para o uso diário, se carregue o carro até aos 90%. Isto para prolongar a vida útil da bateria. Nesse caso, as contas são ligeiramente diferentes, mas não muito.

Para a média de 18,5 kWh/100km, o Volvo XC40 dá-nos autonomia para cerca de 350 km. Já com o A/C ligado, e uma média de 21,5 kWh/100km, conseguimos apenas cerca de 300 km.

Carregar o carro na cidade

Para quem tem a facilidade de poder carregar o carro em casa ou no trabalho, tudo é perfeito. Basta carregá-lo uma vez por semana e acabaram-se as preocupações no dia-a-dia. Claro que, nem todos têm essas facilidades. E isso implica uma gestão maior da bateria do carro, dos postos de carregamento disponíveis na cidade e, infelizmente da carteira – os carregamentos nos postos públicos estão cada vez mais caros. Mas, com tanta autonomia, certamente será possível optar quase sempre por carregadores mais lentos e (um pouco) mais baratos.

A nossa sugestão é que se informe de todos os pontos de carregamento que tem perto de sua casa e perto do seu trabalho para poder criar a sua própria rotina, adaptada ao consumo da sua condução e à necessidade diária de quilómetros.

Para quem não tem a possibilidade de carregar o carro em casa, obriga a uma maior gestão das oportunidades de carregamento, ou talvez o elétrico nem seja (ainda) uma opção

Uma forma de o fazer, por exemplo, é aproveitar o momento das compras no supermercado para carregar. Muitas cadeias de super e hipermercados já tem disponíveis para os seus clientes carregadores elétricos que pode usar enquanto faz as suas compras tranquilamente.

Também nos Centros Comerciais e alguns parques e jardins. Locais onde podemos aproveitar para passar algum tempo a fazer a nossa vida enquanto carregamos o carro.

Qual foi a melhor média urbana que fizemos?

Antes de terminar deixamos aqui duas notas. A primeira para a melhor média de consumos que conseguimos obter com o Volvo XC40 em ambiente urbano – 17,7 kWh/100 km. Mas confessamos que exigiu uma condução muito cuidada e sem nunca ligar a climatização. Não é, de todo, o elétrico mais “poupado”.

Ano Eletrico Volvo XC40 Consumos 3

No lado oposto do espectro, tirando todo o partido da potência do nosso carro, chegámos a fazer média de 22,4kWh em cidade! Com o A/C ligado chegámos a gastar 24,6 kWh/100km – consumos que mais parecem de autoestrada! Mas são o preço a pagar pelo disparo do que é, um dos SUV elétricos mais potentes do mercado.

Consumos interurbanos

Se falarmos em consumos interurbanos, por exemplo, para quem viva nos arredores da cidade e faça entre 20 a 30 quilómetros de autoestrada todos os dias para ir e vir do trabalho, uma média real é 20 kWh/100 km. O que corresponde, neste caso com o Volvo XC40, uma autonomia de cerca de 370 km com 100% de carga e a cerca de 330 km com 90%. Com A/C ligado, essa média sobre para 24,5 kWh/100km, e dá para fazer 300 km com 100% e 270 km com 90% de carga.

Ano Eletrico Volvo XC40 Consumos 16

Prontos para seguir viagem conosco? Continuem a seguir o nosso Diário de Bordo Um Ano Elétrico.

Pub ADN Energy leaderboard