Carlos Tavares eleito Personalidade do Ano 2019

O resultado da votação de 86 jurados de 24 países acaba por distinguir o executivo português, que comanda o grupo PSA, pelo trabalho desenvolvido no ano transato.

O resultado da votação de 86 jurados de 24 países acaba por distinguir o executivo português que comanda o grupo PSA, pelo trabalho desenvolvido no ano transato. Destaque para o “regresso dos lucros” da Peugeot, Citroën e, em tempo recorde, da Opel, após ter sido adquirida à General Motors.

Além do resultado financeiro do grupo PSA, esteve ainda profundamente envolvido no sucesso da fusão entre a PSA e a FCA. Fusão essa que abriu portas à criação do quarto maior construtor do mundo.

A cerimónia de entrega do galardão está agendada para o Salão de Nova Iorque, aquando da revelação do vencedor do prémio Carro Mundial do Ano 2020 (World Car Awards), evento que acaba de ser adiado para agosto, devido ao surto de coronavírus (COVID-19) – à semelhança com o que aconteceu com o cancelamento do Salão de Genebra de 2020.

Peugeot 208 vence “Car of the Year” e empata contas

O Peugeot 208 acaba de confirmar a sua superioridade, ao vencer o “Car Of The Year” 2020, prémio atribuído por um júri composto por 60 jurados de 23 países.

Read more

Carlos Tavares receberá o galardão, sucedendo a Sergio Marchionne, que venceu o prestigiado prémio em 2019, a título póstumo.

carlos tavares capa

Como os nossos valores “vencer juntos, agilidade, eficiência” incluem a força do poder coletivo, é em nome de todos que aceito este prémio com humildade.

Carlos Tavares

Carlos Tavares foi também o homem por detrás da fusão entre o grupo PSA e FCA, negócio que dá origem ao quarto maior fabricante automóvel do mundo. Certamente mais um factor óbvio que levou à sua eleição como Personalidade do Ano.