Polestar 2 entra na fase final de produção

A marca sueca de performance elétrica pertencente ao grupo Volvo tudo tem feito para caminhar para um futuro mais sustentável. Parte disso reflete-se no novo Polestar 2, o primeiro 100% elétrico da marca.

Pouco menos de um ano após a sua apresentação, que ocorreu no passado mês de fevereiro de forma exclusivamente online por motivos de sustentabilidade, o Polestar 2 arranca a sua fase de pré-produção. Nós já tínhamos falado dele, depois de o vermos no Salão Internacional de Genebra, no início do ano.

Tudo indica será a última fase de testes e afinações, antes das primeiras entregas realizadas em 2020, para assegurar os elevados níveis de exigência a que a marca se propõe.

“Condução de Ouro”

A Polestar tem vindo a por à prova todas as valências deste novo automóvel nos mais variados climas e ambientes, para alcançar aquilo a que chamam “condução de ouro”.

Locais como Estados Unidos, Reino Unido, Africa do Sul, China, Alemanha, Espanha e no Círculo Ártico (Suécia) foram os escolhidos para aperfeiçoar o chassis do Polestar 2, aprimorando cada detalhe até atingir o “Polestar feeling”, como refere o Chefe de Engenharia de Chassis da Polestar, Joakim Rydholm.

“É entusiasmente este processo de aprimorar cada detalhe do Novo Polestar 2 até atingirmos o Polestar feeling.”

Joakim Rydholm
Vista da dianteira

O Polestar 2 apresenta muitas semelhanças com outros modelos Volvo, sendo a sua maior referência o concept Volvo 40.2. Apresentado em 2016 e desenhado sobre a “Arquitectura Compacta Modular” (ou em inglês, Compact Modular Architecture – CMA), na forma de um fastback de cinco portas, o Polestar 2 apresenta-se assim com uma traseira longa e pronunciada e com um chassis ligeiramente elevado.

No interior podemos encontrar um estilo minimalista. O maior destaque vai para o sistema de info-entretenimento estrategicamente colocado ao centro da consolar. Este sistema resulta da parceria da Volvo com a Google, estreando um software baseado 100% em Android. 

Performance e autonomia

Em termos de performance, o Polestar 2 conta com dois motores elétricos (um em cada eixo), alimentados por um pack de baterias de 27 módulos e com 78kWh de capacidade instalados na parte inferior do veículo, o que contribui para um aumento da rigidez do chassis e uma melhor insonorização dentro do habitáculo, com autonomias que permitem percorrer até 500 km com uma única carga.

Sendo a Polestar uma marca com raízes ligadas ao desporto automóvel, a performance faz parte do seu ADN. Prova disso está no comportamento que o Polestar 2 apresenta, com 408 cv e 660 Nm de binário, este modelo é capaz de percorrer os 0-100 km/h em menos de cinco segundos.

“Estamos a finalizar as unidades de pré-produção do Polestar 2, que serão muito próximas da versão final. Vamos tentar cumprir com as nossas promessas – queremos que as primeira unidades cheguem às mãos dos nossos clientes na primeira metade de 2020

Thomas Ingenlath, Chief Executive Officer of Polestar

Por um futuro mais “verde”

A Volvo Cars tem vindo a apostar fortemente num mundo cada vez mais sustentável, como a aposta na eletrificação através da Polestar e também do investimento em modelos híbridos plug-in, que têm vindo a ganhar cada vez mais adeptos – resultados que se refletem no aumento das suas vendas.

Além disso, e resultante dessa intenção de reduzir a pegada ecológica, a marca sueca instalou uma tela inédita em Portugal. Para além de servir como meio publicitário, tem a capacidade de purificar o ar.

close

Subscreve a nossa Newsletter "Livre Trânsito"!

Subscreve a nossa Newsletter "Livre Trânsito"!